Publicado em 09/01/2018 13:26:14

Airton sobre o que fará depois que a Suzantur sair: "O segredo é a alma do negócio!"

Prefeito esteve na DBC FM nesta terça, 9

Airton sobre o que fará depois que a Suzantur sair:
Segue a polêmica em São Carlos

Falando a DBC FM na tarde desta terça, 9, o prefeito Airton Garcia (PSB) criticou a Suzantur e disse que a empresa tem um séquito de pessoas que a defendem que vão desde políticos até profissionais de imprensa. Na entrevista comandada pelo radialista Antonio Walter Frujuelle os ouvintes começaram a questionar o prefeito sobre o que será feito no dia 27 de janeiro, exatamente um dia depois da Suzantur parar o serviço (a empresa confirmou que não fica em São Carlos e encerra atividades no dia 26) e Airton foi misterioso: “O segredo é a alma do negócio, por enquanto não vou falar o que será feito! Quem está falando que parará é a Suzantur, não posso tomar medidas antes disso acontecer, não vou ficar esperando Deus ajudar!”

Airton comparou a situação do problema do transporte na cidade a um jogo de xadrez. “Eles não esperem e pensem que estou dormindo em berço esplêndido, não vou deixar fabricar caos em São Carlos”, destacou.

Pelo tom de suas palavras, o prefeito tem alguma medida engatilhada, mas ele preferiu não revelar. Durante sua explanação, Airton também afirmou que se “jogarem bruto”, ele também adotará a mesma postura.

Sobre a tarifa do transporte, depois de ouvir a gravação colocada no ar pela DBC onde o diretor da Suzantur, Claudinei Brogliato, fala sobre o preço da passagem, Airton Garcia criticou a empresa, ele afirmou que a concessionária queria passar o transporte para R$ 4,30 com subsídio. “Empresário é igual gato, está comendo e está miando”, ironizou.

O prefeito disse que ninguém vai provocar o caos em São Carlos. “Meu nome é Airton Garcia e não sou filho de pai assustado!”, declarou.

Com relação à publicação do edital de licitação, Airton voltou a dizer que a peça será colocada na praça logo. “Tem muitas empresas que querem vir para cá, tenho a obrigação de defender a população e ninguém vai mandar na cidade, assumi São Carlos numa situação deplorável e todo dia coloco um pingo em cima de um ‘i’”, desafiou. “Eu cobro do jurídico dia e noite para a licitação sair, mas prefeito não escolhe empresa e sim a licitação, assim como o servidor só entra na Prefeitura pelo concurso público”, emendou.

Segundo o prefeito, quando ocorrer a abertura dos envelopes todos serão convidados para participar da solenidade. “Não tenho o rabo preso com empresa nenhuma, será tudo às claras”, projetou.

Comentários

Mais Notícias

Página 1 de 707