Publicado em 17/07/2017 08:44:35

Vítima de violência em São Carlos, estudante cria ferramenta para ajudar a mapear crimes na cidade

São muitos assaltos contra universitários e são-carlenses em geral

Vítima de violência em São Carlos, estudante cria ferramenta para ajudar a mapear crimes na cidade

A comunidade universitária de São Carlos é uma das que mais sofre com os seguidos assaltos e furtos sejam nas ruas ou em residências e apartamentos. Dia sim, dia não, a imprensa noticia ataques contra essas pessoas que muitas vezes vem de longe para construir o início de sua carreira nas universidades. Porém, com o advento da internet, os estudantes passaram a usar a rede mundial de computadores como uma arma contra o crime. A web é utilizada para avisar, dar características e conscientizar as pessoas sobre como proceder para se tentar evitar a violência que vem crescendo na cidade.

Diante disso, um estudante de São Carlos (nome e idade preservados a pedido dele mesmo) criou o site Safe Route. Questionado sobre qual seria a função do portal que ele desenvolveu, o próprio explicou de maneira bem simples como funciona a sua proposta. “O site serve para informar as pessoas, principalmente os estudantes sobre os locais em que ocorreram assaltos, furtos ou tentativas aqui na cidade de São Carlos”, salientou.

A interface do site é bem simples, justamente para facilitar o usuário no momento de registar alguma ocorrência.  “Ele é bem simples. Para quem foi roubado ou sofreu uma tentativa: a pessoa entra no site, lá tem um menu com uma aba que é um formulário,  esse deverá ser respondido, informando local em que a pessoa foi ou sofreu a tentativa de assalto”, salientou.

Segundo ele,  esses dados serão enviados as autoridades para que eles possam ter um material detalhado e assim tentar combater esses crimes. “A pessoa informa o endereço onde sofreu o assalto, com esse endereço eu irei colocar o caso no mapa que fica na aba de mesmo nome”, explicou.

Além de marcar o local onde os crimes estão ocorrendo à ideia e ser uma ferramenta de utilidade pública. “Quem não sofreu nenhum tipo de crime poderá ver os locais onde aconteceram assaltos ou tentativas, assim se pode evitar aquelas rotas quando a pessoa estiver desacompanhada ou até mesmo acompanhada”, destacou.

De acordo com o estudante, tudo começou depois que ele mesmo foi vítima de violência na cidade. “A ideia surgiu a partir do momento que tive meu carro roubado e devido à frequência de furtos que andam acontecendo na cidade e nenhuma medida é tomada para que isso possa ser evitado, por isso criei o site para tentar ajudar a combater o problema”, encerrou.

Conheça o Safe Route: CLIQUE AQUI!

Comentários

Mais Notícias

Página 1 de 664