São Carlos
 
Qui, 13 de Março de 2014 18:46

Taxista morto em Ribeirão Bonito foi jogado amarrado de ponte

Escrito por  Redação
Avalie esta notícia
(1 Voto)
Taxista foi cruelmente assassinado Taxista foi cruelmente assassinado

O taxista Claudio Bodas foi jogado de uma ponte com provavelmente 3 metros de altura por seus algozes, dois menores, um de 15 e outro de 17 anos na tarde desta quinta, 13, em Ribeirão Bonito.

CURTA A FAN PAGE DO SÃO CARLOS EM REDE!

Depois de entrarem no táxi de Bodas, os dois marginais o renderam e o fizeram sair pela SP 215, a rodovia professor Luiz Augusto de Oliveira. No km 166, conhecido como entrada para a Fazenda Santana, os bandidos obrigaram o taxista a fazer a conversão e rodar pela estrada de terra no meio da mata.

Eles passaram a primeira ponte e na segunda cometeram o assassinato. Bodas teria sido amarrado e jogado vivo de cima da ponte, estima-se que a altura seja por volta de 10 metros. Com o impacto no rio Jacaré o homem sofreu ferimentos e morreu. Somente um exame poderá comprovar se a morte se deu pelo impacto da queda ou por afogamento.

Os bandidos teriam executado friamente o taxista porque temeriam que ele os reconhecesse no futuro, já que estavam sempre perambulando por Ribeirão Bonito. Os ladrões levaram R$ 300 do taxista.

Consta que os bandidos teriam a intenção de andar por São Carlos com o veículo de Bodas e depois queimá-lo. Contudo, a polícia suspeita que o carro seria vendido para saldar dívidas que os menores teriam. (Informações e imagens de Lucas Castro/ RB na Rede e Maurício Duch)

 

Última modificação em Qui, 13 de Março de 2014 19:07

Deixe um comentário

Campos com (*) precisam ser preenchidos.
HTML básico é permitido.

Cactus Web | Criação de Sites